TRÍDUO   DE

SANTO   ANTÔNIO

1º DIA  DO  TRÍDUO

1. MOTIVAÇÃO

Com.

O namoro e o noivado são dois momentos importantes na vida do futuro casal.  É tempo forte de preparação para o casamento.  Desse tempo pode depender um casamento feliz e realizado. É uma etapa da vida que merece ser vivida com seriedade e compromisso. Sabemos que as bênçãos e a as graças de Deus são importantes e necessárias em todos os momentos de nossas vidas.  Mais ainda para alguém que se prepara para construir nova família. Por isso, vamos orar hoje para estes irmãos e irmãs para que cresçam na estima mútua, se amem com sinceridade e se preparem bem para a celebração e a vivência do matrimônio.

2. CANTO DE ENTRADA: Vem

Vem, e eu mostrarei que o meu caminho te leva ao Pai,

guiarei os passos teus e junto a ti hei de seguir.

Sim, eu irei e saberei como chegar ao fim.

De onde vim, aonde vou: por onde irás, irei também.

Vem, eu te direi o que ainda estás a procurar.

A verdade é como o sol e invadirá teu coração.

Sim eu irei e aprenderei minha razão de ser.

Eu creio em ti que crês em mim e à tua luz verei a luz.

Vem, que te farei da minha vida participar.

Viverás em mim aqui: viver em mim é o bem maior.

Sim eu irei e viverei a vida inteira assim.

Eternidade é, na verdade, o amor vivendo em nós.

3. ACOLHIDA

Cel.

Iniciemos nossa celebração invocando a santíssima Trindade.

4. CANTO: Deus trino

Em nome do Pai, em nome do Filho, em nome do Espírito Santo, estamos aqui. (bis)

Para louvar e agradecer, bendizer e te adorar, estamos aqui, Senhor, ao teu dispor.

Para louvar e agradecer, bendizer, adorar, te aclamar: Deus trino de amor!

Cel.

A graça de nosso Senhor Jesus Cristo, o amor do Pai e a comunhão do divino Espírito Santo, esteja sempre convosco.

Todos

Bendito seja Deus para sempre.

5. OREMOS

Cel.

Ó Deus, Pai bom e misericordioso, nós te agradecemos porque continuamente renovas e vivificas a tua igreja, despertando sempre novos santos em seu seio.  Eles imitaram perfeitamente a Jesus aqui na terra, reproduzindo em suas próprias vidas o mistério pascal do teu filho, e agora, perto de ti, na glória, continuam sendo nossos modelos e intercessores. Através de teus santos fazes resplandecer a nossos olhos a infinita variedade e riqueza dos dons do teu espírito de amor. Nós te agradecemos de modo particular porque na pessoa de Santo Antônio tu nos deste um mestre das verdades do evangelho e um instrumento vivo da tua graça. Nós te suplicamos, Senhor, a graça de podermos trilhar o caminho que os santos nos indicaram, para que no fim da nossa vida na terra possamos, também nós, possuir e ser possuídos por tua luz e tua glória, que serão a nossa eterna felicidade. Por Cristo nosso Senhor. 

Todos

Amém.

Com.

Vamos sentar e neste primeiro dia do tríduo vamos refletir sobre o valor da oração, como  resposta ao chamado de Deus e instrumento para viver com autenticidade a nossa fé cristã. O trecho a seguir é tirado dos escritos de são Antônio.

Leitor

"A oração é uma demonstração de afeto para com Deus, uma conversa afetuosa e familiar com ele, um descanso da mente iluminada lá do alto e que procura aproveitai-lo o máximo  possível. A oração é também solicitar os bens temporais necessários para a vida presente; aqueles, porém, que os pedem ao Senhor com verdadeiro espírito cristão sempre subordinam sua vontade à dele, ainda que seja somente a necessidade que os leva a rezar: só o Pai celeste é que sabe quais coisas nos são realmente necessárias no âmbito temporal. Finalmente, a oração é também ação de graças, reconhecendo os benefícios recebidos e oferecendo a Deus, em troca, todas as nossas obras, para que nossa oração seja continua."

Todos

Ó Senhor Jesus, que nos ensinaste a rezar e nos deste o exemplo da verdadeira oração, concede-nos a graça de rezarmos sem nunca desfalecer a de viver em perfeita comunhão contigo, tu que vives e reinas pelos séculos dos séculos. Amém

Com.

De pé, ouçamos o que Jesus nos ensina a respeito da necessidade de orar sempre.

6. CANTO DO EVANGELHO: Buscai primeiro

Buscai primeiro o Reino de Deus e a sua justiça

e tudo o mais vos será acrescentado, aleluia, aleluia.

Não só de pão o homem viverá, mas de toda palavra

que procede da boca de Deus, aleluia, aleluia.

Se vos perseguem por causa de mim, não esqueçais o porque,

não é o servo maior que o Senhor, aleluia, aleluia.

Cel.

O Senhor esteja convosco.

Todos

Ele está no meio de nós.

Cel.

Boa notícia de Jesus Cristo narrada por são Mateus (7, 7 - 1 1;  18, 19 - 20).

Todos

Glória a vós Senhor.

Cel.

"Peçam, e lhes será dado! Procurem, e encontrarão! Batam, e abrirão a porta para vocês! Pois todo aquele que pede, recebe; quem procura, acha; e a quem bate, a porta será aberta.  Quem de vocês dá ao filho uma pedra, quando ele pede um pão? Ou lhe dá uma cobra, quando ele pede um peixe? Se vocês, que são maus, sabem dar coisas boas a seus filhos, quanto mais o Pai de vocês que está no céu dará coisas boas aos que lhe pedirem! E lhes digo ainda mais: se dois de vocês na terra estiverem de acordo sobre qualquer coisa que queiram pedir, isso lhes será concedido por meu Pai que está no céu.  Pois onde dois ou três estiverem reunidos em meu nome, eu estou ai no meio deles". – Palavra da salvação.

Todos

Graças a Deus.

7. BREVE EXORTAÇÃO

Todos

Creio em Deus Pai …

Com.

Confiando nos méritos e na intercessão de santo Antônio, dirigimos nossa oração a Deus, nosso Pai, rico em graça e misericórdia. Rezemos juntos e digamos: escuta-nos, Senhor!

Leitor

Pela santa igreja, para que todos os membros do povo de Deus vivam na fidelidade ao evangelho, dando testemunho de Cristo com a santidade de suas vidas, rezemos: pelos nossos parentes, amigos e benfeitores, para que sejam libertados de todo o mal e confortados com as graças do céu, rezemos: pelos que sofrem, pelos pobres e pelos doentes, para que encontrem alivio em suas aflições e para que nunca lhes falte o amparo da nossa ajuda, rezemos.

Cel.

Aceitai, Senhor, nossa humilde oração. Nós a apresentamos a ti, por intercessão de Santo Antônio, com a confiante esperança de que seremos atendidos. Por Cristo nosso Senhor.

8. OFERTÓRIO DA MISSA

9. APÓS A COMUNHÃO

10. OREMOS

Cel.

Ó Deus, que dissestes não ser bom ao homem estar sozinho e lhe fizestes uma companheira semelhante a ele, abençoai estes vosso filhos, para que possam discernir se vós os destinais um ao outro e se é da vossa vontade que se unam em matrimônio. Concedei que eles, ao pedirem a vossa benção e a vossa graça, não só cresçam na estima de um pelo outro, como se amem reciprocamente com amor sincero. Confirmai seus corações na fé e na caridade um pelo outro. Por Cristo, nosso Senhor. Amém.

11. NO FIM DA MISSA

Com.

Convidamos aqui na frente do altar, os namorados, os noivos e todos os que aguardam um companheiro ou uma companheira para reconstruir sua vida, para rezar juntos a oração final e receber a benção do Pai misericordioso.

Leitor

Jesus disse: "assim como meu Pai me amou, eu também amei vocês: permaneçam no meu amor. Se vocês obedecem aos meus mandamentos, permanecerão no meu amor, assim como eu obedeci aos mandamentos do meu Pai e permaneço no seu amor.  Eu disse isso a vocês para que minha alegria esteja em vocês, e a alegria de vocês seja completa. O meu mandamento é este: amem-se uns aos outros, assim como eu amei vocês".

12. BENÇÃO FINAL

Cel.

O Senhor esteja convosco.

Todos

Ele está no meio de nós.

Cel.

Abençoe-vos Deus todo-poderoso, em nome do Pai, do Filho a do Espírito Santo.

Todos

Amém.

Cel.

Louvado seja nosso Senhor, Jesus Cristo.

Todos

Para sempre seja louvado.

13. CANTO FINAL: Quero e preciso

Eu sei, teu espírito está agindo, passo a passo 

sei que encontrarei tua vontade em minha vida.

Rompe dentro em mim um amor inovador,

sinto gosto em tua palavra, amor à hóstia consagrada.

Eu quero te louvar com todo o meu ser,

de toda a minha alma, mesmo sem entender.

Preciso te seguir, tua vontade tem que acontecer (2x)

Eu sei, não pertenço a este mundo, tenho fome e sede do Senhor.

Alimento que vem do lugar que sou. Treme o meu ser e teme o meu viver.

Eu sei: Tu és o meu senhor, da minha vida és o salvador.

2º DIA  DO  TRÍDUO

1. MOTIVAÇÃO

 

Com.

O namoro e o noivado são dois momentos importantes na vida do futuro casal.  É tempo forte de preparação para o casamento.  Desse tempo pode depender um casamento feliz e realizado. É uma etapa da vida que merece ser vivida com seriedade e compromisso. Sabemos que as bênçãos a as graças de Deus são importantes e necessárias em todos os momentos de nossas vidas.  Mais ainda para alguém que se prepara para construir nova família.  Por isso, vamos orar hoje para estes irmãos e irmãs para que cresçam na estima mútua, se amem com sinceridade e se preparem bem para a celebração e a vivência do matrimônio.

2. CANTO DE ENTRADA: O espírito do Senhor

O espírito do Senhor repousa sobre mim.

O espírito do Senhor me escolheu, me enviou.

Para dilatar o seu reino entre as nações,

para anunciar a boa nova a seus pobres,

para proclamar a alegria e a paz,

exulto de alegria em Deus, meu salvador!

Para dilatar o seu reino entre as nações,

consolar os corações esmagados pela dor,

para proclamar sua graça e salvação

e acolher quem sofre e chora sem apoio, sem consolo!

Para dilatar o seu reino entre as nações,

para anunciar libertação e salvação,

para anunciar seu amor e seu perdão,

para celebrar sua glória entre os povos!

3. ACOLHIDA

Cel.

Iniciemos nossa celebração invocando a santíssima Trindade.

4. CANTO: Deus trino

Em nome do Pai, em nome do Filho, em nome do Espírito Santo, estamos aqui. (bis)

Para louvar e agradecer, bendizer e te adorar, estamos aqui, Senhor, ao teu dispor.

Para louvar e agradecer, bendizer, adorar, te aclamar: Deus trino de amor!

Cel.

A graça de nosso Senhor Jesus Cristo, o amor do Pai e a comunhão do divino Espírito Santo, esteja sempre convosco. 

Todos

Bendito seja Deus para sempre.

5. OREMOS

Cel.

Ó Deus, Pai bom e misericordioso, nós te agradecemos porque continuamente renovas e vivificas a tua igreja, despertando sempre novos santos em seu seio.  Eles imitaram perfeitamente a Jesus aqui na terra, reproduzindo em suas próprias vidas o mistério pascal do teu filho, e agora, perto de ti, na glória, continuam sendo nossos modelos e intercessores. Através de teus santos fazes resplandecer a nossos olhos a infinita variedade e riqueza dos dons do teu espirito de amor. Nós te agradecemos de modo particular porque na pessoa de santo Antônio tu nos deste um mestre das verdades do evangelho e um instrumento vivo da tua graça. Nós te suplicamos, Senhor, a graça de podermos trilhar o caminho que os santos nos indicaram, para que no fim da nossa vida na terra possamos, também nós, possuir e ser possuídos por tua luz e tua glória, que serão a nossa eterna felicidade. Por Cristo nosso Senhor. 

Todos

Amém.

Com.

Vamos sentar e hoje vamos refletir a respeito da necessidade de uma verdadeira conversão, como meio de responder ao chamado de Deus e viver com mais autenticidade a nossa fé cristã. O trecho a seguir é tirado dos escritos de são Antônio.

Leitor

"Como deve ser a contrição pelo pecado? Escuta o salmista: 'sacrifício para Deus é um espirito contrito.  Um coração contrito e esmagado tu não o desprezas'. Com estas palavras estão sendo indicadas a compunção de espirito pelos pecados cometidos, a reconciliação do pecador, a contrição universal por todos os pecados e a continua humilhação do pecador sinceramente arrependido. O espirito do penitente, quando estraçalhado e coberto de feridas, é um holocausto aceito por Deus. Deus faz novamente as pazes com o pecador, e o pecador com Deus."

Todos

Ó Senhor, tu não desejas a morte do pecador, e sim sua conversão e salvação: nós te pedimos perdão pelos nossos pecados e te suplicamos que nos auxilies em nossa caminhada para ti, nosso sumo e único bem.  Por Cristo nosso Senhor.  Amém.

Com.

De pé, ouçamos  o que a palavra de Deus diz a respeito de uma verdadeira conversão.

6. CANTO DO EVANGELHO: Buscai primeiro

Buscai primeiro o Reino de Deus e a sua justiça

e tudo o mais vos será acrescentado, aleluia, aleluia.

Não só de pão o homem viverá, mas de toda palavra

que procede da boca de Deus, aleluia, aleluia.

Se vos perseguem por causa de mim, não esqueçais o porque,

não é o servo maior que o Senhor, aleluia, aleluia.

Cel.

Do livro do profeta Ezequiel (36, 25 - 28)

Cel.

"Derramarei sobre vocês uma água pura, e vocês ficarão purificados. Vou purificar vocês de todas as suas imundícies e de todos os seus ídolos. Darei para vocês um coração novo, e colocarei um espirito novo dentro de vocês. Tirarei de vocês o coração de pedra, e lhes darei um coração de carne. Colocarei dentro de vocês o meu espirito, para fazer com que vivam de acordo com os meus estatutos e observem e coloquem em prática as minhas normas. Então vocês habitarão na terra que dei aos seus antepassados: vocês serão o meu povo, e eu serei o Deus de vocês." – Palavra do Senhor.

Todos

Graças a Deus.

7. BREVE EXORTAÇÃO

Todos

Creio em Deus Pai …

Cel.

Confiando nos méritos e na intercessão de santo Antônio, dirigimos nossa oração a Deus, nosso Pai, rico em misericórdia, pedindo juntos a conversão de uma pessoa querida.

Todos

O grande santo, tu dedicaste tua vida e gastaste todas as tuas energias pela salvação dos cristãos e pelo retorno dos descrentes a Deus; tu ainda hoje és um instrumento da misericórdia divina para a conversão dos pecadores. Eu te suplico que intercedas junto ao Senhor por uma pessoa que me é muito querida e cuja vida não está de acordo com os ensinamentos do evangelho e com o batismo que recebeu. Alcança para essa pessoa, querido santo, a graça de reencontrar a fé que perdeu, reassumir a pratica da religião e reencontrar a alegria da amizade de Deus. Não permita Deus que ele(ela) se perca eternamente. Intercede por ele(ela), Santo Antônio, para que volte a viver como filho(a) de Deus, desfrutando sua misericórdia nesta vida e uma imensa glória no céu. Amém.

Cel.

Atendei, Senhor, nossa oração confiante. Nós a apresentamos a ti, por intercessão de santo Antônio, com a confiante esperança de que seremos atendidos. Por Cristo nosso Senhor.

8. OFERTÓRIO DA MISSA

9. APÓS A COMUNHÃO

10. OREMOS

Cel.

Ó Deus, nós vos suplicamos que alegreis os vossos fiéis com os milagres de santo Antônio, vosso confessor e doutor, para que, fortalecidos na terra com os auxílios do grande santo consigam alcançar as alegrias eternas junto a vós. Por Jesus Cristo, vosso Filho, na unidade do Espírito Santo. 

Todos

Amém.

11. NO FIM DA MISSA

Com.

Convidamos aqui na frente do altar, os namorados, os noivos e todos os que aguardam um companheiro ou uma companheira para reconstruir sua vida, para rezar juntos a oração final e receber a benção do Pai misericordioso.

Leitor

Jesus disse: "assim como meu Pai me amou, eu também amei vocês: permaneçam no meu amor. Se vocês obedecem aos meus mandamentos, permanecerão no meu amor, assim como eu obedeci aos mandamentos do meu Pai e permaneço no seu amor.  Eu disse isso a vocês para que minha alegria esteja em vocês, e a alegria de vocês seja completa. O meu mandamento é este: amem-se uns aos outros, assim como eu amei vocês".

12. BENÇÃO FINAL

Cel.

O Senhor esteja convosco.

Todos

Ele está no meio de nós.

Cel.

Abençoe-vos Deus todo-poderoso, em nome do Pai, do Filho a do Espírito Santo.

Todos

Amém.

Cel.

Louvado seja nosso Senhor, Jesus Cristo

Todos

Para sempre seja louvado.

13. CANTO FINAL: A viagem

Eu vim de longe prá encontrar o meu caminho;

tinha um sorriso e o sorriso ainda valia,

achei difícil a vigem até aqui, mas eu cheguei, mas eu cheguei...

Eu vim depressa, eu não vim de caminhão;

eu vim a jato neste asfalto e neste chão,

achei difícil a viagem até aqui, mas eu cheguei, mas eu cheguei...

Eu vi  por causa daquilo que não se vê;

vim nu, descalço, sem dinheiro e o pior,

achei difícil a viagem até aqui mas eu cheguei, mas eu cheguei...

 Eu tive ajuda de quem você não acredita;

tive a esperança de chegar até aqui,

vim caminhando, aqui estou, me decidi 

eu vou ficar, eu vou ficar!!!

3º DIA  DO  TRÍDUO

1. MOTIVAÇÃO

 

Com.

O namoro e o noivado são dois momentos importantes na vida do futuro casal.  É tempo forte de preparação para o casamento.  Desse tempo pode depender um casamento feliz e realizado. É uma etapa da vida que merece ser vivida com seriedade e compromisso. Sabemos que as bênçãos a as graças de Deus são importantes e necessárias em todos os momentos de nossas vidas.  Mais ainda para alguém que se prepara para construir nova família.  Por isso, vamos orar hoje para estes irmãos e irmãs para que cresçam na estima mútua, se amem com sinceridade e se preparem bem para a celebração e a vivência do matrimônio.

2. CANTO DE ENTRADA: Há todo um povo

Há todo um povo, que se levanta, é imenso seu clamor. Tem um só grito, preso a garganta, não engoliu sua dor. A sua luta o fez tão forte, ganha, até se perder!
Deus é sua força, sua teimosia, a razão de ser viver.(bis)
Há todo um povo, que não tem nada, sua lei é repartir. Tem uma história pobre e calada, não interessa ouvir. Sua bandeira é a esperança, que nunca irá morrer.
Hoje a alegria, de fé tamanha, faz a celebração. Diz que a vitória não é estranha, para quem deu as mãos. Deus, neste povo, mostra o futuro, tudo que vai nascer.
Vinde, aleluia! Um canto novo, vinde, ao Senhor cantai! Muita alegria, filhos do povo, ao vosso rei louvai! Louvor a boca, nas mãos espadas, justiça a se fazer!

3. ACOLHIDA

Cel.

Iniciemos nossa celebração invocando a santíssima Trindade.

4. CANTO: Deus trino

Em nome do Pai, em nome do Filho, em nome do Espírito Santo, estamos aqui. (bis)

Para louvar e agradecer, bendizer e te adorar, estamos aqui, Senhor, ao teu dispor.

Para louvar e agradecer, bendizer, adorar, te aclamar: Deus trino de amor!

Cel.

A graça de nosso Senhor Jesus Cristo, o amor do Pai e a comunhão do divino Espírito Santo, esteja sempre convosco.

Todos

Bendito seja Deus para sempre.

5. OREMOS

Cel.

Ó Deus, Pai bom e misericordioso, nós te agradecemos porque continuamente renovas e vivificas a tua igreja, despertando sempre novos santos em seu seio.  Eles imitaram perfeitamente a Jesus aqui na terra, reproduzindo em suas próprias vidas o mistério pascal do teu filho, e agora, perto de ti, na glória, continuam sendo nossos modelos e intercessores. Através de teus santos fazes resplandecer a nossos olhos a infinita variedade e riqueza dos dons do teu espírito de amor. Nós te agradecemos de modo particular porque na pessoa de santo Antônio tu nos deste um mestre das verdades do evangelho e um instrumento vivo da tua graça. Nós te suplicamos, Senhor, a graça de podermos trilhar o caminho que os santos nos indicaram, para que no fim da nossa vida na terra possamos, também nós, possuir e ser possuídos por tua luz e tua glória, que serão a nossa eterna felicidade. Por Cristo nosso Senhor. 

Todos

Amém.

Com.

Vamos sentar e ouvir um trecho dos escritos de são Antônio a respeito da esperança cristã. O cristão é o homem que caminha na fé em Jesus Cristo, vivo entre nós e nunca se deixa abater, por nenhuma dificuldade que aparecer em sua vida.

Leitor

"A esperança é a expectativa dos bens futuros... Ao desesperado falta a coragem para progredir, porque quem ama o pecado não pode tender à glória futura. É preciso, entretanto, que a esperança não se transforme em presunções, mas que seja sempre acompanhada do temor de Deus, que é princípio de sabedoria. É que, de fato, ninguém consegue chegar a experimentar a doçura da sabedoria se antes não prova a amargura do temor... Enquanto o homem espera, Deus lhe concede o perdão e a graça; se o homem se arrepender de seus pecados, poderá esperar a doçura do perdão." 

Todos

Nós te pedimos, à Senhor, que nosso coração seja fortalecido pela virtude da esperança e que nossos olhares se fixem lá onde se encontram nossas verdadeiras e eternas alegrias. Por Cristo nosso Senhor. Amém.

Com.

De pé, ouçamos  o que a Palavra de Deus diz a respeito de uma verdadeira conversão.

6. CANTO DO EVANGELHO: Buscai primeiro

Buscai primeiro o Reino de Deus e a sua justiça

e tudo o mais vos será acrescentado, aleluia, aleluia.

Não só de pão o homem viverá, mas de toda palavra

que procede da boca de Deus, aleluia, aleluia.

Se vos perseguem por causa de mim, não esqueçais o porque,

não é o servo maior que o Senhor, aleluia, aleluia.

Cel.

Da carta de Paulo aos Romanos (5, 1 – 5; 15, 13)

Cel.

"Justificados pela fé, estamos em paz com Deus, por meio de nosso Senhor Jesus Cristo.  Por meio dele e através da fé, nós temos acesso à graça, na qual nos mantemos firmes e nos gloriamos, na esperança da glória de Deus. E não só isso. Nós nos gloriamos nas tribulações, sabendo que a tribulação produz a fidelidade comprovada, e a fidelidade comprovada produz a esperança. E a esperança não engana, pois o amor de Deus foi derramado em nossos corações pelo Espírito Santo que nos foi dado. Que o Deus da esperança encha vocês de completa alegria e paz na fé, para que vocês transbordem de esperança, pela força do Espírito Santo." – Palavra do Senhor.

Todos

Graças a Deus.

7. BREVE EXORTAÇÃO

Todos

Creio em Deus Pai …

Com.

Confiando nos méritos e na intercessão de santo Antônio, dirigimos nossa oração a Deus, nosso Pai, rico em graça e misericórdia. Rezemos juntos e digamos: escuta-nos, Senhor.

Leitor

Pelas crianças, para que cresçam na inocência e tenham condições de desenvolver os dons recebidos de Deus através da vida e do batismo, rezemos; Por todos os povos da terra, para que sejam dirigidos por governantes prudentes e consigam desfrutar os benefícios da paz e da justiça, rezemos; por todos nós que nos alegramos com a proteção de sant’Antônio, para que imitemos seus exemplos de virtude e santidade, rezemos:

Todos

Aceitai, Senhor, nossa humilde oração. Nós a apresentamos a ti, por intercessão de santo Antônio, com a confiante esperança de que seremos atendidos. Por Cristo nosso Senhor.

Com.

O sacerdote vai abençoar agora os pães que serão distribuídos a todos os fiéis presentes, no fim da missa, para serem consumidos com seus familiares ou guardados num lugar oportuno da casa para pedir todas as bênçãos do céu necessárias para uma vida digna e próspera.

Cel.

Senhor Jesus Cristo, vós que sois o pão da vida, o pão que desceu do céu para dar vida aos homens; vós que, abençoando os pães restaurastes as energias de cinco mil pessoas e fortalecestes a sua fé, abençoai agora este pão e, pelo vosso poder infinito, dai saúde, prosperidade e fartura a todos os que dele comerem e, pela vossa graça, fortalecei o corpo e a alma de todos os fiéis aqui reunidos. Tudo  isso te pedimos por intercessão do vosso amado servo sant'Antônio, nosso padroeiro e modelo da solidariedade humana. Vós que viveis e reinais pelos séculos. Amém.

8. OFERTÓRIO DA MISSA

9. APÓS A COMUNHÃO

10. OREMOS

Cel.

Ó Deus, que dissestes não ser bom ao homem estar sozinho e lhe fizestes uma companheira semelhante a ele, abençoai estes vosso filhos, para que possam discernir se vós os destinais um ao outro e se é da vossa vontade que se unam em matrimônio. Concedei que eles, ao pedirem a vossa benção e a vossa graça, não só cresçam na estima de um pelo outro, como se amem reciprocamente com amor sincero. Confirmai seus corações na fé e na caridade um pelo outro. Por Cristo, nosso Senhor.

Todos

Amém.

11. NO FIM DA MISSA

Com.

Convidamos aqui na frente do altar, os namorados, os noivos e todos os que aguardam um companheiro ou uma companheira para reconstruir sua vida, para rezar juntos a oração final e receber a benção do Pai misericordioso.

Leitor

Sant’Antônio eu sei que o casamento é uma vocação abençoada por Deus. É o sacramento do Amor. Eu me sinto chamada(o) ao casamento; por isto, sant’Antônio, ajuda-me a encontrar um namorado bom, amável, sério e sincero, que tenha os mesmos sentimentos de afeto que eu sinto. Faze que nos completemos um ao outro e formemos uma união abençoada por Deus, para que nós dois juntos, sejamos capazes de vencer possíveis problemas familiares e conservemos sempre vivo o nosso amor, para que nunca falte a compreensão e a harmonia familiar e conjugal. Sant’Antônio, rogai por nós. (0 sacerdote asperge com água benta, cada um dos casais de namorados, noivos e todos os que se preparam para o matrimônio, enquanto a comunidade canta e louva)

12. BENÇÃO FINAL

Cel.

O Senhor esteja convosco.

Todos

Ele está no meio de nós.

Cel.

Abençoe-vos Deus todo-poderoso, em nome do Pai, do Filho a do Espírito Santo.

Todos

Amém.

Cel.

Louvado seja nosso Senhor, Jesus Cristo

Todos

Para sempre seja louvado.

13. CANTO FINAL: Oração pela paz

Cristo, quero ser instrumento de tua paz e do teu infinito amor;

onde houver ódio e rancor, que eu leve a concórdia, que eu leve o amor.

Onde há ofensa que dói, que eu leve o perdão;

onde houver a discórdia, que eu leve a união e tua paz!

Mesmo que haja um só coração que duvide do bem, do amor e do céu, quero com firmeza anunciar a palavra que traz a clareza da fé!

Onde houver erro, Senhor, que eu leve a verdade, fruto de tua luz! Onde encontrar desespero, que eu leve a esperança do teu nome, Jesus!

Onde encontrar um irmão a chorar de tristeza, sem ter voz e nem vez, quero bem no seu coração, semear alegria pra florir gratidão!

Mestre, que eu saiba amar, compreender, consolar e dar sem receber! Quero sempre mais perdoar, trabalhar na conquista e vitória da paz!

ANEXO

A CRUZ DE CRISTO

Da carta de São Paulo aos Gàiatas (1,3 - 5; 6,14 -17)

"Que a graça e a paz de Deus nosso Pai a do Senhor Jesus Cristo estejam com vocês.  Cristo entregou-se pelos nossos pecados para nos arrancar deste mundo mau, segundo a vontade de nosso Deus e Pai.  A Deus seja dada a glória para sempre.  Amém.

Quanto a mim, que eu não me glorie, a não ser na Cruz de nosso Senhor Jesus Cristo, por meio do qual o mundo foi crucificado para mim, e eu para o mundo. O que importa não é a circuricisào ou a não-circuncisào, e sim a nova criação.  Que a paz e a misericórdia estejam sobre todos os que seguirem esta norma, assim como sobre todo o lsrael de Deus. De agora em diante ninguém mais me moleste, pois trago em meu corpo as marcas de Jesus." 

Dos escritos de Santo Antônio

  "O cristão deve apoiar-se na Cruz de Cristo, como o peregrino se apóia no bastão quando empreende uma longa e penosa viagem.  Deve ter bem gravada na mente e no coração a Paixão de Cristo, porque é somente desta fonte que mana a palavra da vida e da paz, da graça e da verdade. Dirijamos nossos olhares a Jesus, nosso Senhor, pregado na cruz da salvação!... Crucifiquemos nossa carne na sua cruz, mortificando os sentidos; choremos pelas iniqüidades que já cometemos e, também, pelas do nosso próximo." Rezemos: o Senhor Jesus, imprime em nós a lembrança da tua paixão; ajuda-nos a seguir-te, carregando diariamente contigo a nossa cruz, para que possamos assim participar da alegria da tua ressurreição.  Tu que vives e reinas pelos séculos dos séculos.  Amém.