SÃO  GENÉSIO

São Genésio era um comediante em Roma e foi martirizado por Diocleciano entre 286 e 303. Ele é invocado contra a epilepsia e é padroeiro dos atores e dos músicos.

A lenda conta que Genésio era líder de uma trupe de teatro em Roma. Em uma apresentação para o Imperador Diocleciano, expunha ao ridículo os ritos católicos. Ao encenar a recepção do sacramento do batismo, se proclamou cristão. Diocleciano a princípio gostou da peça, mas achando Genésio realista demais, ordenou que ele fosse torturado e decapitado.

Ele foi enterrado na Via Tirbutina. Parte de suas relíquias estão em san Giovanni della Pigna, parte em santa Susanna di Termini e parte na capela de são Lourenço.

A existência de são Genésio é duvidosa, e ele é considerado um complemento romano de são Gelásio de Hierápolis. No entanto, ele era venerado no século IV; uma igreja foi construída em sua honra e foi consertada e melhorada por Gregório III em 741.

São Genésio de Roma - Mártir

Comemoração: 25 de agosto