Estragão

artemísia dracunculus

Partes usadas: folhas e flores.

Família: compostas.

Características: planta aromática de folhas lanceoladas e flores amareladas, que se agrupam em capítulos esféricos e pequenos.

Dicas de cultivo: desenvolve-se em solos férteis, permeáveis, bem drenados com luminosidade plena. O plantio é feito através de divisão de moitas da planta adulta no espaçamento de 0,15 x 0,50m entre cada planta.

Princípio ativo: toda planta contém 1 óleo essencial rico em estragol.

Propriedades: é aperitiva digestiva, carminativa, anti-séptica do tubo digestivo, vermífuga e emenagoga.

Indicações: é indicada em casos de inapetência, digestão lenta ou difícil, flatulência, fermentação e parasitos intestinais. É tempero muito usado na culinária.

Toxicologia: o uso da essência em demasia, produz forte excitação do sistema nervoso.