Artemísia

artemísia vulgaris

Partes usadas: folhas e flores.

Família: compostas (Asteraceae).

Características: também conhecida como Camomila-do-campo, artemija, artemísia-verdadeira, erva-de-são-joão e Matricária. Herbácia cuja altura varia entre 60 e 120cm, de folhas verde-claras, penadas e de flores amarelados que brotam do caule, de cor avermelhada.

Dica de Cultivo: adapta-se melhor a solos secos e pobres, preferindo iluminação plena. O plantio e feito diretamente no campo com estacas , espaçamento de 1 x 1,5m entre cada planta.

Principio ativo: óleos essenciais (0,01%) rico em terpenos, artemisinina, artemisina, taninos e resinas.

Propriedades: emenagoga, aperitiva, colagoga, vermífuga, analgésica, anti-espasmódica e anti-convulsivante.

Indicações: é muito conhecida e usada nos problemas menstruais, em casos de dispepsia, astenia, epilepsia.

Toxicologia: não recomendável a lactantes e gestantes. Não ultrapassar as doses indicadas.