Arruda
ruta graveolens

Partes usadas: folhas.

Família: rutáceas (rutaceae).

Caracteristicas: arbustiva lenhosa de origem européia de caule ramificado com pequenas folhas verde-cinzentas compostas. Suas flores são verde-amarelada com frutos capsulares e sementes rugosas. Também conhecida como Arruda-comum, arruda-dos-jardins, arruda-fedorenta, ruta e ruta-de-cheiro-forte. Cultivar em solos bem drenados e a sol pleno. Propaga-se por estacas e sementes.

Dica de cultivo: cresce em solos pobres, pedregosos e ligeiramente alcalinos, preferindo meia-sombra a maior parte do dia. Faz-se o plantio em sementeiras, observando o espaçamento de 0,3 x 0,7 m entre cada planta. Colhe-se 6-8 meses apos o plantio.

Principio ativo: rica em óleos essenciais, flavonóides(rutina), cumarinas e alcalóides.

Propriedades: analgésica, béquica, emoliente e anti-helmíntica.

Indicações: é empregada como emplasto no peito para combater a tosse. É muito usada para combater piolhos e coceiras.

Toxicologia: é contra-indicada para gestantes. Seu uso interno é desaconselhado.