MISSA   DA   CRISMA

RITOS INICIAIS

1. MOTIVAÇÃO

Com.

Irmãos e irmãs, hoje nossa celebração tem um significado especial e é presidida pelo bispo (N.). Celebramos a presença do Espírito Santo na vida da comunidade e na vida de cada um de nós. É o mesmo Espírito que desceu a primeira vez sobre os Apóstolos e a Virgem Maria que hoje desce com a sua força vivificadora em cada crismando. A crisma é um sacramento de adultos, de pessoas responsáveis que querem renovar sua fé em Cristo, participar da vida da comunidade e realizar serviços em favor dos irmãos, em vista da construção do reino de Deus. O bispo, pastor visível da nossa igreja, transmitirá aos crismandos o Espírito Santo com a imposição das mãos e a unção do óleo de oliveiras.

2. CANTO DE ENTRADA: Estaremos aqui reunidos

Estaremos aqui reunidos,

como estavam em Jerusalém;

pois só quando vivemos unidos, 

é que o Espírito Santo nos vem.

 Ninguém para esse vento passando, ninguém vê e ele sopra aonde quer.

Força igual tem o espírito quando faz a igreja de Cristo crescer.

Feita de homem a igreja é divina, pois o Espírito Santo a conduz, 

como um fogo que aquece e ilumina,

que é pureza, que é vida, que é luz.

Sua imagem são línguas ardentes, pois o amor é comunicação, 

e é preciso que todas as gentes

saibam quanto felizes serão.

3. ACOLHIDA

Cel.

Bem-vindos, irmãos e irmãs, a este encontro de ação de graças! Juntos, iniciemos em nome da Santíssima Trindade.

Todos

Em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. Amém!

Cel.

Demos graças ao Senhor, pois ele é bom, eterno é seu amor por nós! 

Todos

O Senhor  fez por nós maravilhas! Bendito seja o nome do Senhor!

Cel.

Que a graça de Deus, nosso Pai, o amor de Cristo, nosso libertador e a comunhão do Espírito Santo, nosso consolador, estejam sempre conosco!

Todos

Bendito seja Deus que nos reuniu no amor de Cristo!

4. ATO PENITENCIAL

Com.

Neste momento queremos, pedir perdão por todas as nossas falhas e omissões, na vivência do compromisso cristão: em nossa comunidade, em nossa família ou em nosso local de trabalho. Pensamos que o amor de Deus seja derramado em nossos corações afim de podermos retomar com todo o vigor a missão de testemunhar Jesus em todas as circunstâncias de nossas vidas.

5. CANTO: Converte Senhor os corações

Converte Senhor os corações, e começa comigo.

Dai-nos mais fé e amor, e começa comigo.

Envia Senhor tua palavra e tudo será recriado!

E começa, começa, começa comigo!

Ilumina, Senhor os ignorantes, e começa  comigo.

Endireita os passos desviados e começa comigo.

Envia a tua luz, tua verdade, que nos levará a tua presença.

Desperta, Senhor a tua igreja e começa comigo.

Dispõe-na sempre a servir e começa comigo.

Envia, Senhor a tua paz, para todos os recantos do mundo.

6. CANTO DE LOUVOR: Glória a Deus

Glória à Deus,(2x) glória ao Pai. A ele seja a glória.(2x) Aleluia, amém.(4x)

Glória à Deus,(2x) glória ao Filho. A ele seja a glória.(2x) Aleluia, amém.(4x)

Glória à Deus,(2x) Espírito Santo. A ele seja a glória.(2x) Aleluia, amém.(4x)

7. OREMOS

Cel.

Deus de bondade, realizai em nós vossa promessa, para que a vinda do Espírito Santo nos torne perante o mundo testemunhas do evangelho de nosso Senhor Jesus Cristo. Por nosso Senhor Jesus Cristo, vosso Filho, na unidade do Espírito Santo.

Todos

Amém.

LITURGIA   DA   PALAVRA

8. CANTO DE ENTRADA DA BÍBLIA

A Bíblia é a palavra de Deus semeada no meio do povo que cresceu, 

cresceu e nos transformou, ensinando-nos viver um mundo novo.

Deus é bom, nos ensina a viver. Nos revela o caminho a seguir.

Só no amor partilhando seus dons, sua presença iremos sentir.

Com.

Deus nos chama a viver as virtudes cristãs com coerência e alegria. Ouçamos o que diz o apóstolo Paulo, quando nos mostra o caminho que leva à perfeição na leitura da epístola de são Paulo aos romanos.

9. PRIMEIRA LEITURA: Carta de são Paulo aos Romanos (8, 14 - 17)

Leitor

“Irmãos, todos aqueles que são guiados pelo espírito de Deus, são filhos de Deus. Porque não recebestes um espírito de escravos, para voltar ao temor, mas recebestes um espírito de filhos adotivos, no qual clamamos: “Abba!”, que significa: “Pai!”. O próprio espírito se junta ao nosso espírito, para testemunhar que somos filhos de Deus: filhos, e portanto herdeiros, herdeiros de Deus e co-herdeiros do Cristo, se sofrermos com ele, para sermos também glorificados com ele”. - Palavra do Senhor.

Todos

Graças a Deus.

Com.

Deus nos criou desde o seio de nossa mãe e nos acompanha a cada dia. Cantemos com alegria o salmo 138,  proclamando o amor de Deus por cada um de nós.

10. SALMO 138: Tu me conheces

Tu me conheces quando estou sentado, tu me conheces quando estou de pé,

vês claramente quando estou andando, quando repouso tu também me vês.

Se pelas costas sinto que me abranges, também de frente sei que me percebes para ficar longe do teu espírito, o que farei? Aonde irei,  não sei!

Para onde irei? Para onde fugirei?

Se subo aos céus ou se me prostro no abismo, 

eu te encontro lá para onde irei? Para onde fugirei?

Se estás  no alto das montanhas verdejantes, ou nos confins do mar!

Dá-me tuas mãos, ó meu Senhor bendito, benditas sejam sempre as tuas mãos, prova-me Deus e vê meus pensamentos, olha-me Deus e vê meu coração, livra-me Deus de todo o mau caminho, quero viver, quero sorrir, cantar, pelo caminho da eternidade, Senhor terei toda a felicidade!

Com.

Ao longo de nossa vida experimentamos os dons que Deus coloca ao nosso dispor. Viver o dom de Deus é amar a todos e construir um mundo mais justo e fraterno. A presença do Espírito Santo em nós, é a força que precisamos para vivenciarmos, com alegria e coerência, nossa vocação cristã. De pé vamos receber a palavra de Jesus. 

11. ACLAMAÇÃO AO EVANGELHO: Eu vim para escutar

Eu vim para escutar tua palavra, tua palavra, tua  palavra de amor.

Eu gosto de escutar tua palavra, tua palavra, tua palavra de amor.

Eu quero entender melhor tua palavra, tua palavra, tua palavra de amor.

O mundo ainda vai viver tua palavra, tua palavra, tua palavra de amor.

12. EVANGELHO: (Mateus 25, 14 - 15; 19 - 21)

Leitor

“Naquele tempo, Jesus contou esta parábola a seus discípulos: “um homem ia viajar para o estrangeiro. Chamou seus empregados e lhes entregou seus bens. A um deu cinco talentos, a outro deu dois e ao terceiro, um; a cada qual de acordo com a sua capacidade. Em seguida viajou. Depois de muito tempo, o patrão voltou e foi acertar contas com os empregados. O empregado que havia recebido cinco talentos entregou-lhe mais cinco, dizendo: “Senhor, tu me entregaste cinco talentos. Aqui estão mais cinco que lucrei”. O patrão lhe disse: “muito bem, servo bom e fiel! Como foste fiel na administração de tão pouco, eu te confiarei muito mais. Vem participar da minha alegria!”. – Palavra da salvação.

Todos

Graças à Deus.

13. APRESENTAÇÃO DOS CRISMANDOS

Com.

Iniciamos agora a celebração do sacramento da crisma. Neste momento os crismandos serão apresentados ao bispo e à comunidade.

Cel.

Caríssimo (N.), aqui estão nossos irmãos e irmãs que desejam receber o sacramento da crisma.

Bispo

Quais são eles?

Cel.

(N.), estes são os nossos crismandos!

Bispo

Muito me alegro e agradeço à Deus.

Cel.

Depois de ter apresentado os crismandos ao nosso bispo, queremos também apresentá-los a toda comunidade.

Bispo

Com efeito se é verdade que no dia do batismo, eles já se tornaram cristãos, de agora em diante, como cristãos adultos na fé e testemunhas de Jesus Cristo, eles vão precisar muito do seu apoio. Rezem por eles e dêem para eles o estímulo da vivência e fraternidade.

Todos

Recebemos com alegria os crismandos e prometemos ajudá-los com nosso exemplo de vida e testemunho.

14. HOMILIA

15. RENOVAÇÃO DAS PROMESSAS DO BATISMO

Com.

A crisma nos dá força para que, no decorrer da vida possamos viver a dignidade do nosso batismo. Somos filhos de Deus Pai, irmãos de Jesus Cristo e co-herdeiros com ele da eternidade. Somos templo do Espírito Santo e membros da igreja e corpo de Cristo.

Bispo

Prezados crismandos, há alguns anos, no dia do batismo, seus pais e seus padrinhos prometeram em seu nome, que vocês irão renunciar ao demônio e seguir Cristo no caminho do bem. Hoje são vocês mesmos que prometem romper com a maldade e viver, em todas as circunstâncias a sua fé cristã. Queiram ficar de pé para manifestar para a igreja esta sua decisão pessoal de seguir Jesus Cristo.

Bispo

Renunciais a satanás e a todas as suas obras e seduções?

Crism.

Renuncio.

Bispo

Credes em Deus Pai, todo-poderoso, criador do céu e da terra?

Crism.

Creio.

Bispo

Credes em Jesus Cristo, seu único Filho nosso Senhor, que nasceu da Virgem Maria, padeceu e foi sepultado, ressuscitou dos mortos e está sentado à direita do Pai?

Crism.

Creio.

Bispo

Credes no Espírito Santo, Senhor e fonte de vida, que hoje pelo sacramento da confirmação, vos é dado de modo especial, como aos Apóstolos no dia de Pentecostes?

Crism.

Creio.

Bispo

Credes na santa igreja católica, na comunhão dos santos, na remissão dos pecados, na ressurreição dos mortos e na vida eterna?

Crism.

Creio.

Bispo

Essa é a nossa fé, que da igreja recebemos e sinceramente professamos razão de nossa alegria, em Cristo nosso Senhor.

Todos

Amém.

 16. IMPOSIÇÃO DAS MÃOS 

Com.

Estamos chegando ao momento mais importante da celebração da crisma. O bispo nos convida a rezar, pedindo que Deus Pai envie o Espírito Santo sobre os crismandos. (N.) impõe as mãos sobre os crismandos, mostrando assim, que Deus nos escolheu no meio do povo e nos consagra para a missão.

Bispo

Roguemos, caros irmãos, a Deus Pai, todo-poderoso, que derrame o Espírito Santo sobre estes seus filhos adotivos, já renascidos no batismo para a vida eterna, a fim de confirmá-los pela riqueza de seus dons e configurá-los pela unção ao Cristo, Filho de Deus.

Bispo

Deus Pai, todo-poderoso, Pai de nosso Senhor Jesus Cristo, que pela água e pelo Espírito Santo, fizestes renascer estes vossos servos, libertando-os do pecado, enviai-lhes o Espírito Santo Paráclito, dai-lhes, Senhor o espírito de sabedoria e inteligência, o espírito de conselho e fortaleza, o espírito de ciência e piedade e enchei-os do Espírito do vosso temor. Por nosso Senhor Jesus Cristo, vosso Filho.

Todos

Amém.

17. UNÇÃO   

Bispo

Recebe por este sinal, o Espírito Santo o dom de Deus.

Todos

Amém.

Bispo

A paz esteja contigo.

Todos

E contigo também.

18. ORAÇÃO COMUNITÁRIA 

LITURGIA EUCARÍSTICA

19. CANTO DAS OFERENDAS: Meu coração é para ti

Meu coração é para ti, Senhor. (3x) Meu coração é para ti.

Porque tu me deste a vida, por que tu me deste o existir.

Porque tu me deste o carinho, me deste o amor.

Pão e vinho são para ti, Senhor...

A minha vida é para ti... Meu coração é para ti... 

Cel.

Orai, irmãs e irmãos, para que, o nosso sacrifício seja aceito por Deus Pai todo-poderoso.

Todos

Receba o Senhor por tuas mãos este sacrifício, para glória do seu nome, para o nosso bem e de toda a santa igreja.

Cel.

Dai-nos, ó Deus, usar os vossos dons servindo-vos com liberdade, para que, purificados pela vossa graça, sejamos renovados pelos mistérios que celebramos em vossa honra. Por Cristo, nosso Senhor.

Todos

Amém.

20. ORAÇÃO EUCARÍSTICA 

Cel.

O Senhor esteja convosco.

Todos

Ele está no meio de nós.

Cel.

Corações ao alto

Todos

O nosso coração está em Deus.

Cel.

Demos graças ao Senhor, nosso Deus.

Todos

É nosso dever e nossa salvação.

Cel.

Na verdade, é justo e necessário, é nosso dever e salvação dar-vos graças, sempre e em todo o lugar, Senhor, Pai santo, Deus eterno e todo-poderoso, por Cristo, Senhor nosso. Ele é a vossa palavra viva, pela qual tudo criastes. Ele é o nosso salvador e redentor, verdadeiro homem, concebido do Espírito Santo e nascido da Virgem Maria. Ele, para cumprir a vossa vontade, e reunir um povo santo em vosso louvor, estendeu os braços na hora da sua paixão, a fim de vencer a morte e manifestar a ressurreição. Por ele, os anjos celebram vossa grandeza e os santos proclamam vossa glória. Concedei-nos também a nós associar-nos a seus louvores, cantando a uma só voz: 

21. SANTO: O Senhor é santo

Quando olhei o sol brilhar, vi que o Senhor é santo.

Vendo estrela no céu, vi que o Senhor é santo.

Na imensidão do mar, vi que o Senhor é santo.

No orvalho da manhã, vi que o Senhor é santo.

O Senhor é santo, ele está aqui.

O Senhor é santo, eu posso sentir. (bis)

Nas aves do céu, vi que o Senhor é santo.

Na planta florir, vi que o Senhor é santo.

Na fonte a cantar, vi que o Senhor é santo.

No irmão a sorrir, vi que o Senhor é santo.

Cel.

Na verdade, ó Pai, vós sois santo e fonte de toda santidade. Santificai, pois, estas oferendas, derramando sobre elas o vosso espírito, a fim de que se tornem para nós o corpo e + o sangue de Jesus Cristo, vosso Filho e Senhor nosso. 

Todos

Santificai nossa oferenda, ó Senhor!

Cel.

Estando para ser entregue e abraçando livremente a paixão, ele tomou o pão, deu graças, e o partiu e deu a seus discípulos, dizendo: tomai, todos, e comei: isto é o meu corpo, que será entregue por vós. Do mesmo modo, ao fim da ceia, ele tomou o cálice em suas mãos, deu graças novamente, e o deu a seus discípulos, dizendo: tomai, todos, e bebei: este é o cálice do meu sangue, o sangue da nova e eterna aliança, que será derramado por vós e por todos para remissão dos pecados. Fazei isto em memória de mim. Eis o mistério da fé!

Todos

Anunciamos, Senhor, a vossa morte e proclamamos a vossa ressurreição. Vinde, Senhor Jesus!

Cel.

Celebrando, pois, a memória da morte e ressurreição do vosso Filho, nós vos oferecemos, ó Pai, o pão da vida e o cálice da salvação; e vos agradecemos porque nos tornastes dignos de estar aqui na vossa presença e vos servir.

Todos

Recebei, ó Senhor, a nossa oferta!

Cel.

E nós vos suplicamos que, participando do corpo e sangue de Cristo, sejamos reunidos pelo Espírito Santo num só corpo.

Todos

Fazei de nós um só corpo e um só espírito.

Cel.

Lembrai-vos, ó Pai, da vossa igreja que se faz presente pelo mundo inteiro: que ela cresça  na caridade, com o papa (N.), com o nosso bispo (N.), e todos os ministros do vosso povo.

Todos

Lembrai-vos, ó Pai, da vossa igreja!

Cel.

Lembrai-vos também dos (outros) nossos irmãos e irmãs que morreram na esperança da ressurreição e de todos os que partiram desta vida: acollhei-os junto a vós na luz da vossa face.

Todos

Lembrai-vos, ó Pai, dos vossos filhos!

Cel.

Enfim, nós vos pedimos, tende piedade de todos nós e dai-nos participar da vida eterna, com a Virgem Maria, mãe de Deus, com os santos Apóstolos e todos os que neste mundo vos serviram, a fim de vos louvarmos e glorificarmos por Jesus Cristo, vosso Filho.

Todos

Concedei-nos o convívio dos eleitos!

Cel.

Por Cristo, com Cristo, em Cristo, a vós, Deus Pai todo-poderoso, na unidade do  Espírito Santo, toda a honra e toda a glória, agora e para sempre.

Todos

Amém.

 22. CANTO DA PAZ: Quero te dar a paz

Quero te dar a paz do meu Senhor com muito amor. (bis)

Na flor vejo manifestar o poder da criação,

nos teus lábios eu vejo estar o sorriso de um irmão.

Toda vez que te abraço e aperto a sua mão,

sinto forte o poder do amor dentro do meu coração.

Deus é pai e nos protege, Cristo é filho e salvação,

Santo Espírito consolador, na Trindade somos irmãos.

Toda vez que te abraço e aperto a sua mão,

sinto forte o poder do amor dentro do meu coração. 

23. PAI NOSSO

Todos

Pai nosso que estais no céus, santificado seja o vosso nome; venha nós o vosso reino, seja feita a vossa vontade assim na terra como no céu; o pão nosso de cada dia nos dai hoje; perdoai-nos as nossas ofensas, assim como nós perdoamos a quem nos tem ofendido; e não nos deixeis cair em tentação, mas livrai-nos do mal. 

Cel.

Livrai-nos de todos os males, ó Pai, e dai-nos hoje a vossa paz. Ajudados pela vossa misericórdia, sejamos sempre livres do pecado e protegidos de todos os perigos, enquanto, vivendo a esperança, aguardamos a vinda do Cristo salvador. 

Todos

Vosso é o reino, o poder e a glória para sempre!

Cel.

Senhor Jesus Cristo, dissestes aos vossos apóstolos: Eu vos deixo a paz, eu vos dou a minha  paz. Não olheis os nossos pecados, mas a fé que anima a vossa igreja; dai-lhe segundo vosso desejo, a paz e a unidade. Vós, que sois Deus, com o Pai e o Espírito Santo.

Todos

Amém!

Cel.

A paz do Senhor esteja sempre convosco! 

Todos

O amor de Cristo nos uniu!

Cel.

Como filhos e filhas do Deus da paz, saudai-vos com um gesto de comunhão fraterna!

24. CORDEIRO DE DEUS

Todos

Cordeiro de Deus, que tirais os pecados do mundo, tende piedade de nós!(bis) Cordeiro de Deus, que tirais o pecado do mundo, dai-nos a paz!

Cel.

Felizes com os convidados para a ceia do Senhor! Eis o cordeiro de Deus, que tira o pecado do mundo!

Todos

Senhor eu não sou digno de que entreis em minha morada, mas dizei uma só  palavra e serei salvo!

25. CANTO DA COMUNHÃO: Na mesa sagrada 

Na mesa sagrada se faz unidade,

no pão que alimenta, que é pão do Senhor,

formamos família na fraternidade,

não há diferença de raça e de cor.

Importa viver, Senhor, unidos no amor,

na participação, vivendo em comunhão.

Chegar junto à mesa e comprometer-se, 

e a Deus converter-se com sinceridade. 

O grito dos fracos devemos ouvir,

  e em nome de Cristo amar e servir.

Enquanto na terra o pão for partido,

o homem nutrido se transformará,

vivendo a esperança no mundo melhor,

com Cristo lutando, o amor vencerá.

Se participarmos da eucaristia

é grande a alegria que Deus oferece.

Porém não podemos deixar esquecida a dor,

 nesta vida, que o pobre padece.

Assim comungando da única vida,

a morte vencida, será nossa sorte.

Se unidos buscarmos a libertação,

teremos com Cristo a ressurreição

RITOS   FINAIS

Bispo

Oremos: acompanhai, ó Deus, com a vossa bênção, aqueles que receberam a unção do Espírito Santo e foram nutridos pelo sacramento do vosso Filho, para que, superando todas as adversidades, alegrem a vossa igreja por uma vida santa e a façam crescer no mundo por seu amor e suas obras. Por nosso Senhor Jesus Cristo, vosso Filho, na unidade do Espírito Santo.

Todos

Amém.

26. AGRADECIMENTOS 

27. AVISOS

28. BENÇÃO FINAL

Bispo

Deus Pai todo-poderoso que vos adotou como filhos renascidos da água e do Espírito Santo, vos abençoe e vos conserve dignos do seu amor paterno.

Todos

Amém. 

Bispo 

O seu Filho unigênito, que prometeu a permanência do espírito de verdade na igreja voa abençoe e vos confirme com seu poder, no testemunho da verdadeira fé.

Todos

Amém.

Bispo 

O Espírito Santo, que acendeu no coração dos discípulos o fogo da caridade vos abençoe vos conduza sem tropeços, congregados num só corpo, alegria do reino de Deus.

Todos

Amém.

Bispo 

Abençoe-vos Deus todo-poderoso, Pai e Filho e Espírito Santo.

Todos

Amém.

29. CANTO FINAL: Consagração à Nossa Senhora.

Ó minha Senhora e também minha mãe, eu me ofereço, inteiramente todo a vós.

E em prova de minha devoção, eu hoje vos dou meu coração.

Consagro a vós meus olhos, meus ouvidos, minha boca.

Tudo o que sou, desejo que a vós pertença.

Incomparável mãe, guardai-me, defendei-me,

como filho(a) e propriedade vossa. Amém. (bis)